7 livros para o autodesenvolvimento de competências essenciais

Nesse post vou trazer a você 7 livros para o autodesenvolvimento de competências essenciais.

Você conseguiu dar um basta na procrastinação em 2018?

Acha que avançou nas 7 competências mais essenciais para a realização pessoal e profissional?

Se sente mais perto de se tornar tudo aquilo que você sempre sonhou ser?

Talvez você não lembre mas, eu postei um vídeo no ano passado, indicando 7 livros que você deveria ler ao longo de 2018.

Eu os escolhi pensando em como você poderia se aprimorar em cada uma das mais importantes competências profissionais.

7 livros para 7 competências

Além disso, eu pedi que você fosse se auto-avaliando ao longo do ano.

E por isso, eu disponibilizei, à época, uma dinâmica em que você iria imprimir e preencher.

Bem, hoje estou relançando esse material, atualizado, e agora digital!

Portanto, se você não fez a sua avaliação, comece agora.

Para se auto-avaliar em cada uma das 7 competências, dê notas a si de 0 a 10, comparando-se sempre a alguém que você admire.

É sempre uma boa prática comparar-se a alguém melhor que nós para sabermos em que devemos melhorar.

Várias pessoas como referência

Logo que você pontue, verá que automaticamente o gráfico irá se formando.

Nas empresas em que passei, o que vou sugerir fazer era mais frequente do que você pensa.

Descobríamos nossas falhas e também nossos pontos fortes comparando-nos com outras empresas.

O que você acha de fazer algumas perguntas a si mesmo (a) do tipo:

– Hoje tive que enfrentar tal desafio numa reunião. Se a pessoa que eu mais admiro estivesse em meu lugar, como ela

agiria? Comparando-me, será que fui assertivo (a)?

E assim siga se avaliando e se comparando em todas as demais competências.

Não necessita pressa, mas vá seguindo as pegadas daqueles que detém as melhores práticas!

Tudo bem! Vamos em frente?

Eu imagino que neste início de ano, você deve estar mais uma vez impressionado com uma coisa:

Como o tempo passa muito mais rápido do que imaginamos!!!

Deixa eu falar para você de algo que mudou minha vida.

Em 94 eu era diretor de uma média empresa e fui assistir a uma palestra de Amyr klink sobre seu livro “Cem dias entre céu e mar”.

Amyr tinha sido o primeiro homem a atravessar o Atlântico Sul num barco a remo de 6 metros de comprimento.

Foram 7000 quilômetros, remando sozinho até 10 horas por dia, entre Gaivotas, Baleias, Focas e Tubarões.

Você quer saber o que eu achava?

Essa aventura, era para mim, uma verdadeira loucura!

Enquanto eu o aguardava na platéia, curioso por sua chegada, minha mente imaginava o que talvez você agora esteja se perguntando:

O que um navegador teria a me revelar sobre uma aventura solitária, em meio aos perigos do oceano e tão distante dos olhos das pessoas?

Será que não seria algo estranho para mim, que jamais me arrisquei para nada além de 20 metros mar adentro, numa praia?

Mas, em certo momento da palestra, ele faz uma pergunta que me marcou para o resto da vida.

E eu espero que seja uma verdadeira inspiração para você.

Ele diz: “sabe qual foi a minha maior conquista”?

Claro que minha mente logo tentou imaginar algum marco geográfico importante que ele, talvez, tivesse atingido no oceano.

Mas nada disso!

A maior conquista de Amyr Klink

Ele responde:

“a minha maior conquista foi pôr a primeira vez o meu barco no mar.  Foi partir e não esperar mais pelo momento ideal.

Porque o maior perigo de uma viagem, a forma mais terrível de naufrágio é sonhar e nunca tomar coragem para partir”.

Perceba então, a nossa maior luta é para sair da zona de conforto.

É contra a procrastinação de ficarmos esperando obsessivamente pelo momento ideal.

É o de continuarmos a viver uma realidade mais ajustada ao que os outros querem, mas que não é aquela que mais sonhamos.

Veja, é possível que a maioria das pessoas passe pela vida sem jamais ter tido a coragem de colocar o seu “barco no mar”.

Essa foi para mim a mais vibrante lição.

Vencendo as velhas crenças e iniciando a viagem

Bem, e é com esse começo que estou de volta para ajudar você a vencer velhas crenças que levam a dispersão, a falta de foco e de ação.

Não importa se você não fez o que recomendei em 2018 e nem se não foi tão bem assim como você gostaria.

E posso garantir a você que a culpa é um sentimento negativo que nāo nos coloca no caminho da abundância.

Importa mesmo é daqui para frente.

Estamos no início de 2019 e tudo se passa como se você resolvesse iniciar a sua grande viagem.

Quero ajudar você a começar a jornada para se tornar o profissional altamente valorizado, reconhecido em sua área, porque

sabemos, você e eu, que isso mudará toda a sua vida para melhor.

Bem, vamos começar.

Se você não lembra mais, eu recomendo muito que assista o vídeo que fiz pra vc no início do ano passado e depois não deixe de retornar aqui.

Chamava-se “os 7 livros que você deve ler para se desenvolver em 2018”.

Eu continuo recomendando que você evolua nas 7 competências mais importantes e deve dar mais um passo á frente nesse ano.

Ter um objetivo em mente

A primeira competência é a de ter sempre o seu objetivo em mente, porque para ter sucesso você precisará agir, mas estas ações precisam estar alinhadas ao seu objetivo.

E não importa qual é a sua profissão.

Só assim você alcançará o melhor de si, seja nas empresas, nos estudos, nos negócios, nos esportes ou nas artes.

Você é a única pessoa que pode decidir o que quer se tornar. E aqui está a diferença essencial entre um profissional de sucesso e aquele que é apenas mediano.

Considerando a primeira competência que é a de ter claro o seu objetivo em mente, o livro que eu indico é o “Foco, de Daniel Goleman”.

https://amzn.to/2T0nBRA

Goleman argumenta que “temos distrações incontroláveis e assim, mais do que nunca, precisamos aprender a afiar o foco em nosso objetivo, se quisermos nos destacar nesse mundo, cada vez mais complexo”.

E aí, que nota você se dá agora?

Já planeje também uma evolução no seu objetivo prevendo uma nota que será o seu desafio para 2019.

Ter o mindset adequado

A 2ª. competência que recomendo a você continuar a desenvolver é o seu mindset ou a sua mentalidade para crescer nesse ano.

A mentalidade correta é aquela que é consciente de que nāo há vida sem obstáculos.

De que você é herdeiro dessa tradição de ter que superar problemas.

É exercitar isso porque você tem o direito de nascença de se tornar uma pessoa bem sucedida.

Seja lá o que você enfrentará, você tem uma escolha: ficar bloqueado pelas dificuldades ou encontrar as maneiras certas de passar por cima delas.

Vá destravando a sua vida com uma mentalidade de enfrentamento.

Avalie agora como está o seu mindset. Que nota você se dá?

Dê outra nota para o quanto você quer evoluir neste ano?

Para ajudar você eu havia feito um vídeo com o título: Como conquistar planos de longo prazo. Assista-o.

Para essa indico o livro: “O obstáculo é o caminho de Ryan Holiday”.

Domine o seu tempo

A 3ª. competência é a de lidar bem com o uso do seu tempo.

Eu sempre digo que o tempo é o que existe de mais perecível.

Repare, 2018 já se foi!

Você está fazendo o mais importante para chegar aonde deseja?

Ou a sua vida profissional ainda está aquela loucura das urgências e das multitarefas não valorizadas?

Que nota você se dá agora e o quanto quer evoluir?

Quero indicar o livro “Primeiro o mais importante, de  Stephen Covey dentre outros autores,”

Depois de muitos pedidos, produzi um curso que indico a você, de título:

Como ser mais produtivo: aprenda a administrar o seu tempo”, que vou deixar o link no final.

Seja persuasivo e influente

A 4ª. competência é a sua capacidade de persuasão e influência, já que não há dúvidas de que a maioria das coisas que você quer conquistar depende de bons relacionamentos.

Esta competência exigirá de você atenção especial.
Pontue sua nota atual e a de evolução pretendida para 2019.

Gostaria de indicar o livro: Pré-suasão de Robert Cialdini, que traz uma novidade.

Afirma que: Os melhores comunicadores sabem que o segredo maior da influência não está na mensagem em si.

Opa, está onde, então?

E ele conclui: está sim, no momento-chave antes de a mensagem ser transmitida.

Ou seja, qualquer pessoa, como você e eu, podemos criar um ambiente propício para exercer a sua influência.

Grosso modo, seria como se diz na gíria: saber colocar o “gato no telhado”, antes de a mensagem ser emitida.

Indico também o curso que preparei para você, de título:

Persuasão e influência, a arte de conquistar o sim”.

Invista seu tempo em dominar a Inteligência Emocional

Pelos comentários que recebi de você, eu sei do seu grande interesse em dominar a inteligência emocional.

Isso por que você sabe que nem sempre são as pessoas de maior QI (quociente intelectual) que prosperam.

Não são mais as tecnicamente competentes, mas aquelas que utilizam as competências da inteligência emocional.

Quer saber o que é mais forte?

A empatia e a autoconsciência, principalmente!

E daí, você acha que evoluiu nessa competência em 2018?

Se sim, não pare.

Esse é um aprendizado constante.

Mas, que nota você agora se atribui?

Fiz vários vídeos recentes a seu pedido.

Você pode reforçar essa competência, revendo-os e comentando o que gostaria mais de conhecer.

O livro que indico a você é:

O poder da inteligência emocional e como liderar com sensibilidade e eficiência” de Daniel Goleman e mais dois autores.

livros para o autodesenvolvimento

Aprimore sua Liderança   

A 6.a competência é a liderança.

Eu havia afirmado outro dia de que não há dúvidas de que você é um líder.

Você já se conscientizou de que é mesmo?

Veja, Ram Charan, descreve o líder de si mesmo e diz que você pode seguir se especializando em sua profissão seja ela qual for.

Repare, não há dúvidas de que você já é um líder, seja para administrar sua carreira, ou seu negócio, na família, na escola.

Mesmo que esteja lidando com uma a duas pessoas.

Mas, você pode também optar por seguir a carreira de líder gestor numa jornada que evoluirá em 6 transições até chegar ao nível mais alto, que é o de CEO.

Logo, você nasceu para liderar e isso se aprende adaptando conhecimentos a profissão e adaptando os estilos a sua personalidade.

Sobre este tema, vi muitos perfis de pessoas se desenvolverem nas empresas pelas quais passei.

O livro que indico a você é o lider 360º de John Maxwell.

livros para o autodesenvolvimento

Ter conhecimentos e habilidades específicas

E finalmente vamos a 7a competência, que são os seus conhecimentos e habilidades típicas da sua própria profissão.

Aquela que você escolheu para seguir. Seja, coach, psicólogo, cabeleireiro, médico, engenheiro, policial, contador, lojista, vendedor, jornalista e outras tantas!

Para determinar a sua nota atual você pode se comparar a um profissional  que seja exemplo para você – que tenha sucesso em sua área.

Em quem você se espelha?

Segui muitos exemplos enquanto me desenvolvia como profissional, desde estagiário até CEO.

Sei que você deseja ter alto desempenho em sua profissão, mas, também quer saber conquistar a sua independência financeira.

Então, você precisa dominar mais 3 importantes pilares das finanças pessoais que são:

  • como gastar bem;
  • como investir melhor;
  • e como ganhar mais.

O livro que indico a você é “Do mil ao Milhão sem Cortar o Cafezinho” de Tiago Nigro.

livros para o autodesenvolvimento

Agora, com todas as notas posicionadas no arquivo que você baixou, já terá um raio x  ( em cor azul) de como você se encontra atualmente nestas 7 competências.

Como combinamos, atribua também uma nota, que é meta para esse ano em cada uma delas.

É o seu desafio para 2019. (No gráfico aparecerá em cor laranja).

Salve essa sua nova avaliação em seus arquivos.

No final do ano você – novamente – saberá o quanto evoluiu na direção do seu objetivo maior.

Eu posso garantir a você que em minha longa carreira empresarial, pude constatar com clareza que:

Essas 7 competências são as mais essenciais para você se tornar um profissional extraordinário e altamente valorizado.

Comece a pôr em prática os seus planos para que logo você possa usufruir dos benefícios de tudo aquilo que você sempre quis conquistar.

Espero você em 2020 e até lá vá escrevendo sobre a sua evolução e comentando no caminho enquanto segue a sua jornada, ok?

Ah, me lembrei de mais uma coisa

Amyr diz que, quando saiu da praia de Paraty, era madrugada.

Se não saísse naquele dia, não sairia jamais!

Enquanto ia, olhou então para trás e reparou que, na praia deserta, entre as luzes das ruas, havia uma casinha com uma vidraça quebrada.

Eu sei que você ficou curioso (a).

Mas, esse é um papo legal para outro video.

E daí, se convenceu que deve largar o seu barco hoje no mar?

Vá em frente!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O que você procura?

Sobre João Francisco

O termo Impact Player nasceu do esporte, sendo associado a jogadores que fazem a diferença apenas por estarem em campo, capazes de elevar a confiança de um grupo com sua presença. 

Ou seja, um Impact Player é aquele que faz jogadas individuais incríveis, no entanto, seu principal valor está no papel estratégico que exerce sobre o seu ambiente, no momento em que sabe que o sucesso não é alcançado repentinamente.

Posts recentes

Posts populares

Open chat
Podemos Ajudar?